segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Respeito teu gosto, mas meus ouvidos não são lixeira!

Foto de tan4ikk em 123 Royalty Free [www.123RF.com]



Você colocaria um filme PORNÔ para assistir na frente de seus pais, avós, filhos ou de toda a sua família? Acredito que a sua resposta seja Não. De todas as pessoas que conheço, nenhuma delas faria isto. Na dúvida, perguntei a uma série de amigos que encontrei, e a resposta foi sempre a mesma: Não! 

Entretanto, diariamente, estas mesmas pessoas que responderam não enchem os seus lares com PORNOGRAFIA AUDITIVA!! E isso mesmo, o que os olhos não podem ver, os ouvidos tem que suportar. É absurda a quantidade de lixo que alguns insistem em chamar de música. E aí somos obrigados a escutar todo tipo de baixaria que certas pessoas produzem a uma velocidade alucinante.

Você já parou por um instante para analisar o que as rádios ou até mesmo você estp colocando dentro da sua casa, para seus filhos, pais, enfim, para a sua família ouvir?


Há tempos atrás, enquanto aguardava o ônibus, fui submetido a um festival de "músicas" cujo conteúdo era de um mau gosto assustador. Não lembro de tudo que tocou, mas foi terrível. Não sei se por azar ou mera coincidência, o cidadão botou uma sequência dantesca, tocou:

"Vou te pegar de jeito e levar pro meu apê
Te fazer um enfinca até o dia amanhecer

Enfinca, enfinca, enfinca, enfinca, enfinca

Homem deitado a mulher por cima...

Enfinca, enfinca, enfinca

Enfinca, enfinca, enfinca, enfinca, enfinca"
-----------------------

"Puta que pariu

Meu gato botou um ovo

Mas gato não põe ovo

Puta que pariu de novo
Puta que pariu
Pega o gato arrocha o gato
Não é gato é um macaco
Banana pra todo lado"
------------------------
"Eu sou 3x
Seu queimadinho inho inho

Então (vém me chupar) 3x

Todinho"


Estas foram só algumas das pérolas que fui obrigado a ouvir. E o mais triste é que lixo como este toca em todo lugar, e você não pode fazer nada para impedir, aliás, Deus salve os fones de ouvido, o nosso último socorro.

Mas, enfim, diferente de pornografia visual, onde você pode escolher ver ou não, a pornografia auditiva, não respeita os limites do convívio comum. Se o meu vizinho gosta de ouvir isto, nada contra; mas eu não preciso ouvir também. É aí que esbarramos em um problema sério de vida em comunidade. Isto, porém, é um outro assunto. Não podemos desligar o som do vizinho ou determinar o que ele deve escutar, mas o que entra na minha casa, ou seja, o que eu, meus filhos, minha família escutam, isto sim cabe a mim orientá-los com valores e com a boa música brasileira – sim, ela existe e é maravilhosa!


P.s. Busquei as letras das músicas no Google, e tinha um monte bem pior. 

Abraço a todos e fiquem na paz.


Gonzaga Soares

Foto de tan4ikk em 123 Royalty Free

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails