terça-feira, 10 de julho de 2012

NÃO FOI ACIDENTE!



Nosso governo gasta R$ 8 bi/ano em uma guerra que enfrentamos diariamente no Brasil: as imprudências no trânsito. São cerca de 40 mil vítimas de acidentes de transporte por ano. Dessas, 40% são decorrentes do álcool na direção. É também a principal causa morte de crianças de 1 a 14 anos em nosso país.

Rafael Baltresca teve a mãe e a irmã mortas no dia 17/09/11, vítimas de um atropelamento por um carro em alta velocidade, em São Paulo. O atropelador, Marcos Alexandre Martins, se recusou a fazer o exame do bafômetro, mas fez exame de sangue. No B.O., testemunhas afirmam que Marcos estava completamente embriagado. Frente a esta situação e à realidade que o Brasil enfrenta, Rafael Baltresca criou o movimento Não Foi Acidente, com o objetivo de mudar as leis brasileiras que abrem tantas portas para a impunidade.

“O Homem é o único ser do planeta que mata sua própria espécie. Temos que dar um basta nisso. Tantas e tantas mortes acontecem por pessoas embriagadas que, na hora da alegria, da bebedeira, não entregam a chave do carro para um amigo, não voltam de taxi, não colocam a mão na consciência e pensam na consequência. Quando deixamos de lado a possibilidade do acidente, o acidente acabou de começar. Quando você bebe e dirige, o acidente já começou.” (Rafael Baltresca)

E você pode fazer parte desta mudança, é simples e rápido, entre no site do Rafael Baltresca, conheça o projeto assine a petição e espalhe esta ideia de todas as formas que você poder.  Para que a mudança na lei seja encaminhada ao Presidente do Congresso Nacional, são necessárias 1 milhão e 300 mil assinaturas e isto depende somente de nós. 

Você pode fazer parte dessa campanha ativamente! Ajude-nos a conseguir as 1.300.000 assinaturas.
Espalhe essa campanha para seus amigos ou em sua empresa. Publique em seu site ou blog.

Conheça o site da campanha:
Não foi acidente

Compartilhe:


0 comentários:

Related Posts with Thumbnails