quinta-feira, 15 de abril de 2010

Tocando em frente

É extremamente difícil traduzir a linguagem da alma, acredito que a melhor forma seja através de canções, e tocando em frente é uma destas canções que expressam com perfeição a linguagem da alma.

“Tocando em frente” nasceu pronta, letra e melodia, como um cochicho do Criador nos ouvidos sensíveis dos amigos Almir Sater e Renato Teixeira, como eles mesmo afirmam a “musica nasceu tão pronta que não deu nem tempo o café ficar pronto, foi um presente de Deus”.

Sempre que escuto esta canção me emociono, ela tem a capacidade de trazer paz e tranquilidade no caos nosso de cada dia “Ando devagar porque já tive pressa, levo esse sorriso porque já chorei demais”. Um convite a vivermos de uma forma alegre e simples na longa caminha da vida. A canção nos trás uma deliciosa receita para se viver bem,
“Conhecer as manhas e as manhãs, o sabor das massas e das maçãs, é preciso amor para poder pulsar, é preciso paz pra poder sorrir, é preciso à chuva para florir”. “Cada um de nós compõe a sua história, cada ser em si carrega o dom de ser capaz de ser feliz”

Tocando em frente é a arte de viver e ser feliz, pois a nossa historia somos nós que fazemos, e seja a vida boa ou ruim cabe a nós entendermos e seguir adiante da melhor forma possível, sem esquecermos que também somos estradas para tantas outras pessoas.
Penso que cumprir a vida seja simplesmente Compreender a marcha e ir tocando em frente Como um velho boiadeiro levando a boiada eu vou tocando os dias pela longa estrada eu vou, estrada eu sou” Simplesmente amo esta canção, Tocando em frente é música para a minha alma”




Tocando em Frente
Composição: Almir Sater e Renato Teixeira

Ando devagar porque já tive pressa
Levo esse sorriso porque já chorei demais
Hoje me sinto mais forte, mais feliz quem sabe
Só levo a certeza de que muito pouco eu sei
Eu nada sei

Conhecer as manhas e as manhãs,
O sabor das massas e das maçãs,
É preciso amor pra poder pulsar,
É preciso paz pra poder sorrir,
É preciso a chuva para florir

Penso que cumprir a vida seja simplesmente
Compreender a marcha e ir tocando em frente
Como um velho boiadeiro levando a boiada
Eu vou tocando os dias pela longa estrada eu vou
Estrada eu sou

Conhecer as manhas e as manhãs,
O sabor das massas e das maçãs,
É preciso amor pra poder pulsar,
É preciso paz pra poder sorrir,
É preciso a chuva para florir

Todo mundo ama um dia.
Todo mundo chora
Um dia a gente chega
e no outro vai embora

Cada um de nós compõe a sua história
Cada ser em si carrega o dom de ser capaz
De ser feliz

Conhecer as manhas e as manhãs
O sabor das massas e das maçãs
É preciso amor pra poder pulsar,
É preciso paz pra poder sorrir,
É preciso a chuva para florir

Ando devagar porque já tive pressa
E levo esse sorriso porque já chorei demais
Cada um de nós compõe a sua história,
Cada ser em si carrega o dom de ser capaz
De ser feliz


0 comentários:

Related Posts with Thumbnails