segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Aniversário de Darwin

No 12 de fevereiro, muitos aí estarão comemorando o aniversário de 200 anos do nascimento de Charles Darwin, o pai do evoilusionismo* da teoria da evolução das espécies. Em razão disso, a mídia científica, quase científica e a pseudocientífica não científica (ou seja, a imprensa comum) já vêm publicando matérias especiais sobre o cientista, sua teoria famigerada e os conseqüentes "benefícios proporcionados ao desenvolvimento da humanidade".
 
Pra quem estiver interessado em conhecer mais sobre tudo isso aí e sobre o que os evoilusionistas pensam dos criacionistas e do criacionismo, recomendamos a leitura das revistas Veja (edição 2099, de fevereiro de 2009) e Scientific American Brasil (edição 81, de fevereiro de 2009) mais recentes.
 
Veja darwinMatéria principal: A Darwin o que é de Darwin
Outras matérias:
◙ Onde Darwin é só mais uma teoria – fala de escolas evangélicas onde o que vale mesmo é o que está na Bíblia, apesar de ensinarem o evolucionismo.
◙ A ciência e a fé já foram unidas
 
 
No site da Veja é possível ler um trecho/resumo da matéria principal.
 
 
 
SciAm BrasilEdição especial quase toda dedicada à Evolução.
 
Veja a lista de matérias e um pequeno comentário sobre cada uma na página da revista que linkamos lá em cima.
 
Há uma matéria interessante intitulada Manobras Recentes do Criacionismo. O site comenta: criacionistas querem idéias religiosas ensinadas como fatos científicos em escolas públicas e continuam a combater derrotas legislativas, escondendo seus objetivos sob disfarces cada vez mais elaborados.
 
 
 
 
"(…) as igrejas mais aprisionam que libertam a natureza humana" afirma Ulisses Capozzoli no editorial dessa edição da Scientific American. Nessa afirmação acho que ele usa "igrejas" como sinônimo de "cristianismo". Isso me lembra Gálatas 5:16-21 e trechos dos três primeiros capítulos de Romanos.
 
* O termo evoilusionismo foi criado por mim como resposta ao termo criaburracionismo inventado por um certo blog ateu que visitei tempos atrás. Digo que criei porque depois de fazer pesquisas em português e inglês no Google não encontrei o termo, isto é, a net mostra que ele ainda não foi usado por ninguém. Então, acho que posso requerer para mim o título de inventor dele!
 
JT Ollemhebb
 
Veja também:
» André Petry volta à carga (militante ateísta da Veja criticando o ensino do criacionismo)

3 comentários:

Thiago Bomfim disse...

Legal, mas só faltou uma coisa.

Qual sua opinião sobre a teoria criada por Darwin?

Abs!

Anônimo disse...

Bem, Thiago, creio que o uso da palavra "evoilusionismo" deixa transparecer minha opinião [não sei qual a opinião do Gonzaga]; acho que ela não passa disso mesmo por mais que os estudiosos da biologia digam que haja evidências concretas de sua validade.

Comprei as duas revistas que recomendo no post, mas até agora só arranjei tempo pra ler as matérias da Veja. As matérias dela são parciais, ou seja, puxam a sardinha pro lado da teoria de Darwin e meio que ridicularizam a crença no criacionismo. Elas não falam das falhas da teoria e falam quase nada do Design Inteligente.

Entretanto, acho que a melhor resposta que o Mural pode dar pra sua pergunta é reproduzir matérias que mostrem as falhas do evoilusionismo. Pretendemos fazer isso. E logo logo!

Fica na Paz!


JT Ollemhebb

Thiago Bomfim disse...

Me escapou o trocadilho que explicava suas convcções.

ah sim design inteligente: uma boa questão.

Related Posts with Thumbnails