quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Humanidade bipolar

Wolfganf Sperling Entrevista da Época do dia 11 de outubro último com o psquiatra alemão Wolfgang Sperling. O mesmo defende que as atuais recessão econômica e pandemia (gripe suína) são apenas sintomas de uma doença coletiva global. E ele culpa os meio de comunicação por isso!
 
 
TEXTO INTRODUTÓRIO DA ENTREVISTA:
 
O vírus da gripe suína surgiu num momento auspicioso – para o vírus, é claro. O agente causador da pandemia iniciou seu assalto à humanidade em abril, no México. Seis meses antes, a quebra do banco americano Lehman Brothers aprofundou a maior crise econômica em 80 anos. Se o mundo não estivesse em recessão, talvez o surto de gripe não tivesse virado pandemia, diz o psiquiatra alemão Wolfgang Sperling, na revista Medical Hypothesis. Sperling culpa os novos meios de comunicação. A rapidez com que a imprensa noticiou a falência do Lehman e o surto no México gerou ondas globais de pânico, só comparáveis à alegria gerada pelos primeiros sinais de retomada. Esse fenômeno faz a população oscilar entre a euforia e a depressão. “Se a humanidade fosse um paciente, ela seria bipolar.”
 
 
 
[Foto do psquiatra tirada da própria página da entrevista.]

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails